Uma plataforma EXCLUSIVA para você encontrar as melhores clínicas de recuperação do BRASIL!

Clínica de Recuperação - Formoso do Araguaia - TO

Clínica médica Hospitalar ambulatorial ,tratamos comorbidade,dependência e alcoolismo.Trabalhamos com CONVÊNIO.

Consulte preço

Informações para contato

Fernando Oliveira

fernandobarrosd83ajudandovidas@gmail.com

https://www.ajudandovidas.com.br/

Ao ligar, diga que viu no Busca Clínicas de Recuperação

(62)9950-88452 whatsapp

(62)9945-21308 whatsapp

Enviar mensagem

Público

Masculino

Descrição

Descrição
Como funciona nosso trabalho ?
Clínica e hospital psiquiátrico ambulatórial, com profissionais altamente qualificados trabalhando 24 horas por dia....
Clínico geral e pisiquiatra..
Psicólogo e enfermeiros....
Terapêutica ocupacional e holístico em dependências e comorbidade....Consulte:watssap (62)995088452
https://www.ajudandovidas.com.br/
68 leitos pronto para atender a necessidade de cada paciente, Trabalhamos com [CONVÊNIO]
profissionais;Clínico geral 24 horas.
Pisiquiatra.
Psicólogo.
Enfermeiros(a)
Terapeutas.
Socorristas 24 horas..
Consulte nosso trabalho...
Email: fernandobarrosdeoliveira9@gmail.com
Site;https://www.ajudandovidas.com.br/

Serviços

Cidades atendidas

Blog

Codependência tem tratamento?

Codependência tem tratamento?

Ao contrário do que muita gente pensa, o uso de drogas não afeta apenas a saúde daquele que consome este tipo de substância.

Alcoolismo: tempo de tratamento e quando procurar ajuda

Alcoolismo: tempo de tratamento e quando procurar ajuda

O tratamento do alcoolismo acontece em fases. Primeiramente o indivíduo que sofre com o problema precisa se conscientizar do uso abusivo da substância

Obesidade: como ela leva a outras doenças?

Obesidade: como ela leva a outras doenças?

A obesidade é uma doença crônica que tem sido motivo de enorme preocupação entre os especialistas

Usuário x traficante: o que diz a lei?

Usuário x traficante: o que diz a lei?

Criada em 2006, a lei 11.343, que versa sobre o assunto, traz critérios bastante subjetivos para diferenciar usuários de traficantes